sábado, 12 de novembro de 2011

PAREDÃO.

 Paredes retas
Em prumo cuidado
A me guardar.

Retas paredes
Tijolos prisão
Casa em ruínas.

Paredes retas
Tumba ensolarada
Cama desfeita.

Retas paredes
Silenciosa cela
Amor prisioneiro.

Paredes retas
Outrora lar
Pintado de riso.

Retas paredes
Células em dor
Metástase.

Paredes retas
Rachaduras
Esperançando luar.

Retas paredes
Nunca tortas
Dentro de mim.


Tela de Ryszard Chmiel
Pintor e Ilustrador Polonês.

Teresinha Oliveira.


Um comentário:

Andressa C. disse...

bem the wall, do pink floyd.
que saudade de você!