sábado, 10 de setembro de 2011

OUSADIA

Talvez minha maior ousadia seja me admitir
Como sou e como mais desejaria.

Tela de Carl Larsson - (1853/1919)
Pintor Realista Sueco.

Terê Oliva


Um comentário:

Maria disse...

Gostei da tela e do pensamento.
Boa semana.
beijinhos
Maria